sexta-feira, 2 de outubro de 2009

... ainda sobre obras expostas no MARGS alusivas ao ano da França no Brasil

(desta vez, colocarei alguma coisa sobre Alfred Louis Courmes, cuja tela pintada em 1921- Retrato da irmã do artista - fazia parte da exposição).

Alfred Louis Courmes, nasceu na localidade francesa chamada Bormes-les-Mimosas, em 1898 e morreu em Paris em 1993. Recebeu seus primeiros anos de estudo em Mônaco depois foi residir em Lavandou, na Provence (região da França). Em 1922 fez sua primeira exibição na Société Lyonaise des Beaux-Arts.


1926 - Peggy Guggenheim





1925 - Couples à la bicyclette



La tentation de Saint Antoine




2 comentários:

Ricardo Kersting disse...

Oi Liz.
Então a madame Guggenheim não era tão desprezível aparentemente como o filme "Pollock" nos fez pensar.

Ainda bem que existe o "Papos". Eu não tenho ido em galerias muito menos em exposições. Acho que cheguei no limite do meu desânimo. Não consigo entender as pessoas que dizem ser a arte a coisa mais importante para elas. Falar é fácil né? Nem escrever a maoiria consegue. Eu no máximo consigo com muita dificuldade trocar algumas ideias, mas fica tudo muuuuito superficial. Meu blog é a "Terra Incógnita"..Estou exagerando, mas me frustra às vezes.

Falando nisso, quando vais mandar umas críticas sobre esculturas?

Abração...

(l' excessive) disse...

Peggy pode não ter sido uma linda mulher mas foi uma mulher e tanto pois usou grande parte de seu dinheiro para promover artistas e a arte. Fui ler sobre ela e me apaixonei.(aliás, fiz uma postagem aqui, algum tempo atrás, sobre ela)
quanto à tua intimação, mandei e-mail me justificando.
:o)